Digite seu e-mail para receber nossos informativos:
Imprensa > Release > Empresas associadas ao CIESP Sorocaba participarão do Prêmio Brasil-Alemanha de Inovação

Release

Empresas associadas ao CIESP Sorocaba participarão do Prêmio Brasil-Alemanha de Inovação02/08/2013 Evento ocorreu nesta quarta-feira, 31/07, na reunião plenária do CIESP Sorocaba


Wilson Bricio e Antônio Roberto Beldi - Diretor Titular do CIESP Sorocaba


O Presidente da ZF América do Sul e Diretor da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha, Wilson Bricio, divulgou nesta quarta-feira, 31/07, o Prêmio Brasil-Alemanha de Inovação, para cerca de 100 empresários que participaram da reunião plenária do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP), regional Sorocaba. Na ocasião, a entidade também firmou parceria com a Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK).

Segundo Bricio, o prêmio visa identificar e reconhecer esforços inovadores realizados por empresas brasileiras ou alemãs instaladas no Brasil, seja em produtos ou processos, atraindo parcerias e colaborando para o maior intercâmbio entre o Brasil e a Alemanha. “Estamos fazendo um esforço conjunto para aumentar a competitividade das empresas por meio da inovação. Essa parceria que hoje firmamos com o CIESP Sorocaba irá beneficiar as empresas associadas com vários serviços oferecidos pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha”, explicou o Diretor, lembrando que as inscrições do prêmio são gratuitas e deverão ser feitas até o dia 09 de agosto, pelo site www.inobrasilalemanha.com.br.

O evento contou ainda com uma palestra do sócio da Roland Berger, Stephan Keese, sobre as perspectivas de inovação para empresas no Brasil. Segundo o palestrante, o Brasil melhorou sua colocação em alguns rankings de inovação, mas os investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) ainda são insuficientes. “Enquanto alguns países asiáticos e europeus investem, em média, 4% do PIB em inovação, o Brasil investe menos de 2%. Além disso, o governo brasileiro deve aumentar as despesas em educação, hoje em 4,3% do PIB, enquanto outros países investem cerca de 6%”, ressaltou Keese.

O palestrante disse ainda que para fomentar a inovação e inserir as empresas nas cadeias de valor internacionais, é necessário um plano estratégico entre o governo, empresas, academia, associações e o ‘Sistema S’. “É necessário que o governo brasileiro crie alguns clusters tecnológicos setoriais, como automobilístico, energia, óleo e gás, agro-negócio, entre outros; e assegure que a produtividade fabril se transforme em competitividade de mercado, reduzindo a carga tributária e melhorando a infraestrutura do país. As empresas, por sua vez, devem colocar a inovação no topo da agenda de seus presidentes, alavancar ao máximo os mecanismos de fomento existentes e participar ativamente dos esforços de inovação. Essa iniciativa do CIESP e da Câmara Brasil Alemanha é um grande passo para atingir esses objetivos”, concluiu.

Na sequência, o Presidente da Agência de Desenvolvimento e Inovação de Sorocaba (INOVA Sorocaba), Agliberto Chagas, apresentou a Agência, que tem como missão desenvolver e fomentar ações, programas e projetos que incentivem a cultura regional baseada no conhecimento, na inovação e no empreendedorismo, a pesquisa científica e o desenvolvimento tecnológico. “Nossas metas até o final de 2013 são: articular parcerias nacionais e internacionais, divulgar e promover o Parque Tecnológico de Sorocaba, auxiliar no desenvolvimento de Start Up’s e estruturar um escritório de projetos para apoiar empresas a captar recursos e formar redes de colaboração. Precisamos reverter as estatísticas da Finep e da Fapesp para Sorocaba”, destacou Chagas.

A Diretora do Departamento de Inovação e Tecnologia da Câmara, Sofhia Harbs, encerrou as apresentações detalhando o funcionamento da parceria entre o CIESP e a Câmara Brasil Alemanha. “Sorocaba está sendo pioneira nessa parceria. Ainda neste mês de agosto, iniciaremos atendimentos quinzenais no CIESP Sorocaba e nosso objetivo é fornecer às empresas informações e contatos que auxiliem no processo de inovação. Acredito que o Inovation Hub já é uma parceria de sucesso”, destacou Harbs, completando que as entidades também organizarão eventos em conjunto, concentrando esforços no aumento da visibilidade e atração de investimentos para a região. A organização de missões técnicas ou políticas à Alemanha é também uma das oportunidades que poderá ser explorada.

Para o Diretor Titular do CIESP Sorocaba, Antônio Roberto Beldi, a articulação desta parceria foi feita com muito critério e os resultados esperados são positivos. “Precisamos incentivar todas as empresas associadas a investir em inovação, desde as micro e pequenas, até as grandes empresas. Essa parceria será muito produtiva e tenho certeza que irá alavancar negócios e atrair novas empresas para nossa região. Esse prêmio de inovação é uma grande oportunidade, acho que muitas empresas da nossa regional vão se inscrever e espero encontrá-las na cerimônia de entrega”, concluiu Beldi.

Outras informações pelo site www.ciespsorocaba.com.br ou pelo telefone (15) 4009-2900.