Digite seu e-mail para receber nossos informativos:
Imprensa > Release > CIESP SOROCABA REALIZA PRIMEIRA REUNIÃO ONLINE DO CONSELHO 2021

Release

CIESP SOROCABA REALIZA PRIMEIRA REUNIÃO ONLINE DO CONSELHO 202122/02/2021

A Regional Sorocaba do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP) realizou, no dia 11 de fevereiro, reunião online com a diretoria e conselheiros para informar sobre a licença do 2º vice-diretor, Nelson Cancellara, segundo resolução da Diretoria Executiva nº 07. Cancellara se licenciou da diretoria do CIESP Sorocaba devido sua nomeação para presidente do Parque Tecnológico de Sorocaba, conforme decreto municipal nº 26.049, de 04 de janeiro 01 de 2021, assinado prefeito Rodrigo Manga.

“Sou associado ao CIESP desde 1993 e sempre participei das atividades desta casa que visa estimular o associativismo e a congregação de empresários em prol da indústria e da sociedade como um todo. Estou agora focado nos projetos do Parque Tecnológico, que por determinação do prefeito Manga, retomou a finalidade para qual foi criado, que é ser um ambiente de inovação e empreendedorismo. Nos próximos meses teremos muitas ações a serem implementadas, como editais de chamamento de empresas que queiram se instalar nas áreas interna e externa do Parque, entre outras ações”, destacou Cancellara.

Na ocasião, o diretor titular do CIESP Sorocaba, Erly Domingues de Syllos, anunciou também o afastamento por aposentadoria em suas respectivas empresas de três conselheiros: Wilson Medina Bricio Junior, Valdemir Barbosa de Souza e Milton Ossamu Hiramoto. Syllos agradeceu os anos de contribuição e de participação destes conselheiros. “Nós da diretoria do CIESP Sorocaba só temos que agradecer pela valorosa contribuição desses conselheiros e quero dizer que mesmo eles não estando mais no conselho, isso não significa que vão se afastar de nós. Queremos e precisamos deles participando de todos os eventos e atividades da nossa Regional”, ressaltou Syllos.

Com o desligamento destes três titulares, ascenderam outros três conselheiros suplentes: José Puertas Ernandes, Cassiano de Oliveira Brandão e Milan Kliestinec Junior, que seguem no mandato até 31 de dezembro deste ano. Durante a reunião foi comunicado também o desligamento de um conselheiro suplente, Marco Antônio de Campos, que cancelou o vínculo com o CIESP Sorocaba devido ao encerramento das atividades.


Cenário Econômico
Syllos fez também uma apresentação aos diretores e conselheiros sobre o cenário econômico nacional e internacional, avaliando o ano de 2020 e as perspectivas para 2021. Segundo o diretor, no mercado internacional houve uma queda simultânea das economias desenvolvidas e emergentes. “A redução do PIB foi menor do que se esperava, com um recuo maior na Zona do Euro. Apesar da pandemia, a China registrou um crescimento de 2,3% do PIB (Produto Interno Bruto), porém num ritmo muito menor, tendo em vista que em 2019 o crescimento foi de 6,1%”, explicou.

Já a economia brasileira apresentou uma retomada mais rápida do que o esperado inicialmente, porém o setor de serviços teve uma recuperação mais lenta do que a verificada nos setores industrial e de comércio varejista. “As medidas econômicas contribuíram para a rápida reação da economia. O auxílio emergencial beneficiou 67 milhões de pessoas e injetou cerca de R$ 268 bilhões na economia em 2020. No entanto, a massa salarial caiu 13,1% em agosto frente a fevereiro do ano passado. Isso significa que o auxílio emergencial aprovado pelo governo foi fundamental para mantermos o consumo no Brasil e para proteger as famílias mais pobres”, observou o diretor.

Perspectiva para 2021
Segundo Syllos, os desafios para os próximos anos são grandes por conta do elevado endividamento público dos países e da evolução da pandemia, colocando uma forte expectativa da retomada global na recuperação das economias emergentes.

Na economia brasileira, a confiança do empresário e do consumidor mostra uma reação. No entanto, a situação fiscal do País é extremamente frágil e a dívida pública está em um patamar muito elevado, correndo o risco de um rompimento do teto de gastos.

“Esse cenário de gastos públicos extremamente elevado faz com que os investimentos sejam cada vez mais sacrificados. É muito importante aprovar a reforma administrativa que está tramitando no Congresso, pois isso pode resultar, segundo o IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), em uma economia entre R$ 673 e R$ 816 bilhões ao longo de 10 anos”, reforçou Syllos.

O diretor titular do CIESP Sorocaba encerrou a reunião lembrando que o surgimento da vacina, o dinamismo do agronegócio, a taxa de câmbio em um patamar mais desvalorizado e a taxa de juros Selic historicamente baixa, que aquece o mercado imobiliário e estimula a construção civil, são fatores considerados positivos para 2021, mesmo em meio a segunda e mais acentuada onda de Covid-19, que contribui para uma lenta recuperação da economia mundial.

Sobre o CIESP
O Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP) é uma entidade civil sem fins lucrativos que reúne indústrias e empresas parceiras contribuintes que atendem o segmento industrial. Com cerca de 10 mil empresas associadas e uma sede central na Avenida Paulista, na capital do Estado, a entidade possui 42 Diretorias Regionais, formando uma sólida estrutura a serviço dos interesses do setor.

A Regional Sorocaba, que em 2020 completou 70 anos, foi fundada por um grupo de industriais com o objetivo de trabalhar pelo fortalecimento da indústria regional. Tornou-se um agente de articulação política, contribuindo para a atração de novos investimentos para a região, além de prestar serviços, fomentar a geração de negócios e desenvolver estudos e pesquisas.

A entidade oferece assessoria nas áreas jurídico-consultiva e técnica, econômica, de comércio exterior, infraestrutura, tecnologia industrial, responsabilidade social, desenvolvimento sustentável (meio ambiente), salas de crédito, rodadas e eventos de negócios, além de diversos convênios e um posto de atendimento do BNDES, realizando também a emissão de Certificado de Origem e Certificação Digital.

A área de atuação da Regional Sorocaba envolve 48 municípios e está dividida em cinco sub-regionais: Apiaí, Itapetininga, Itapeva, Piedade e Tatuí. A sede do CIESP fica na Avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, 3260, Alto da Boa Vista. Outras informações pelo telefone (15) 4009-2900 ou pelo site www.ciespsorocaba.com.br.

Informações para a imprensa:
Vergili Press Office Comunicação Integrada
Diretora executiva:
Carla Acquaviva - (15) 99760.4004
www.vpocomunicacacao.com.br